Coluna Revista Versar: Mudanças acontecem

Coluna Revista Versar: Mudanças acontecem

Nem sabia que fazia tanto tempo que eu tinha lido o livro do Abílio Diniz, Caminhos e Escolhas, que foi publicado em 2004. Quando gosto de um livro compro uma quantidade grande dele e é meu presente de Natal e dos aniversários daquele ano. Foi o que fiz. Algumas das suas lições e reflexões continuaram me impactando, como a humildade para se mudar de opinião sobre suas próprias crenças – mesmo com dor e mesmo sabendo que, para o ser humano, “estar errado” sobre algo em que se acredita dói demais. Acredito que o homem que evolui é aquele que avalia suas próprias crenças e as enfrenta.

Eu queria ter sido o Jung na outra vida – ele foi um psiquiatra suíço bastante influente não só na sua área, mas também na literatura, na religião e seus estudos e na psicologia. Era um homem muito profundo e lúcido. É como se seus livros e suas frases expressassem o que eu sinto e me fizessem dizer: “é exatamente isso!”. aniversários daquele ano. Foi o que fiz. Algumas das suas lições e reflexões continuaram me impactando, como a humildade para se mudar de opinião sobre suas próprias crenças – mesmo com dor e mesmo sabendo que, para o ser humano, “estar errado” sobre algo em que se acredita dói demais. Acredito que o homem que evolui é aquele que avalia suas próprias crenças e as enfrenta.

>>> Confira a coluna completa!

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Vanessa Tobias