Ser empreendedor é curar as deficiências com as competências

Ser empreendedor é curar as deficiências com as competências

Durante os dias 20 a 24 de julho, Florianópolis será palco do maior evento de jovens empreendedores do mundo – o Junior Enterprise World Conference (JEWC).  A última edição aconteceu em 2014, em Genebra – na Suíça. Para este ano a previsão é de reunir aproximadamente 3.500 jovens de todos os cantos do mundo.

Na noite do dia (06) foi realizada o lançamento oficial do JEWC 2016. Um dos discursos mais aguardados da noite foi o da madrinha e mentora da Federação das Empresas Juniores do Estado de Santa Catarina (FEJESC), empresária Vanessa Tobias.

Foto-Vá-300x200

“A conquista evidente tem relação em entender o nosso caminho, aceitando as conquistas evidentes e os caminhos que realmente nos fazem evoluir”. (Vanessa Tobias)

“O JEWC tem relação com trabalhar deficiência e competência; absurdo e óbvio; e conquista evidente”, disse Vanessa Tobias.

Ela contou, durante seu discurso, quando teve o despertar para empreender. “Com 10 anos decidi que seria empreendedora. Isso aconteceu por ver, acontecendo na minha família, uma injustiça com alguém que tinha uma deficiência. Quando vi essa pessoa ser excluída do seu principal grupo – do grupo com competências -, percebi que precisava desenvolver a capacidade de ser alguém que une as competências ao grupo que tem deficiências”, lembra.

Vanessa diz que pensar no JEWC é unir esta ação à expressão do Stephen Covey: “Missão de vida é o uso dos talentos na direção do que a humanidade precisa”.

“A convicção de empreendedor tem relação com curar as deficiências com as competências, sem julgamento e com aceitação. Cada um de nós tem dentro de si – e da sua família, bairro, cidade, estado e país – alguma deficiência que deve ser curada com uma competência. Esta é uma das grandes marcas do movimento de jovens empreendedores que acontecerá aqui em Florianópolis”, ressaltou a madrinha.

Os outros pontos destacados em seu discurso foram: o absurdo e o óbvio. “Muitos começam a vida pensando: o que eu vou fazer da vida é óbvio pra mim ou é um absurdo para quem convive comigo? Qual é a preocupação que temos neste momento e carregaremos na nossa vida: a do absurdo ou do óbvio? Quando penso em alguma liderança empreendedora, penso em alguém que escolhe a melhor preocupação possível”, destacou a empresária.

Para finalizar o discurso, a madrinha da FEJESC – Vá como é chamada carinhosamente pelos empreendedores de Santa Catarina – falou sobre a conquista evidente. “A conquista evidente tem relação em entender o nosso caminho, aceitando as conquistas evidentes e os caminhos que realmente nos fazem evoluir”, finalizou.

Vamos nos inspirar mais? Quero assistir o discurso na íntegra!

Saiba mais sobre o Junior Enterprise World Conference (JEWC) 

Por Re Mattia – Equipe Vanessa Tobias 

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Top